5 características de pessoas com boa autoestima

braços abertosA autoestima não é uma característica que alguns sortudos nascem com, e outros nascem sem. Ela também não depende de traços como beleza, força, altura, inteligência… tampouco depende de quanto sucesso alguém tem na vida, quanto dinheiro, quanto se destaca nos esportes, quão popular é… Você mesmo deve conhecer pessoas que se destacam em alguns ou vários desses fatores citados, mas que não se sentem bem com eles mesmas: são inseguras, dependentes da aprovação alheia, sentem inveja, raiva, ou ciúmes facilmente, ou estão sempre apontando em si mesmos defeitos que só elas enxergam… E você vive se perguntando perplexo “como que fulano, tão bonito/bem-sucedido/inteligente… se afeta tanto com isso??”.  Se autoestima não depende desses fatores, como ela é construída? Veja abaixo algumas das características de pessoas que apresentam uma autoestima adequada.

se comparar1 – Evitam se comparar com outras pessoas:

Indivíduos com boa autoestima, em geral, acreditam que a melhor comparação que podem realizar é em relação a eles mesmos: onde estiveram, onde estão, onde pretendem chegar. Comparar-se aos outros é injusto, pois cada ser tem uma história de vida diferente, e construiu suas diversas características ao longo dela. Logo, ninguém conseguirá ser igual.

2 – Acreditam que conceitos como ser “melhor” ou “pior” do que alguém são relativos:

A realidade é que não existe uma medida objetiva para esse tipo de conceito. Indivíduos com boa autoestima dificilmente dizem coisas como “sou mais bonita do que fulana”, ou “ciclano é mais inteligente do que eu”. Ninguém pode ser melhor ou pior do que ninguém, porque não há uma balança ou instrumento que meça esse tipo de coisa, sendo apenas impressões subjetivas. Aqueles que compreendem esse raciocínio, dificilmente se sentem inferior ou superior a quem quer que seja. Dessa forma, eles acreditam que para se sentir bem consigo mesmos, não precisam estar acima de ninguém.

autoestima2

3 –  Sabem dizer não, com tranquilidade

Uma característica presente em pessoas com boa autoestima é saber reconhecer os seus limites, ou seja, o que podem aceitar e aquilo que não são capazes de lidar. E nesse momento, entra o “saber dizer não” à pedidos dos outros, de uma forma educada e não agressiva. A diferença é que esses indivíduos, quando negam pedidos, não são inundados por sentimento de culpa ou medo de serem reprovados, mas sim por uma confiança tranquila de que estão fazendo o que precisa ser feito.

autoabraco4- Autocompaixão:

Pessoalmente, acredito que essa é a característica mais importante. Aqueles que são capazes de  aceitar que falham, que vivem momentos difíceis, que sofrem… enfim, que se compreendem como humanos, são aqueles que possuem o senso de amor próprio preservado mesmo nos momentos mais negativos. Muitas pessoas são capazes de compreender falhas e fraquezas de seus amigos, mas são cruéis e muito críticas consigo mesmas.  Ficar se condenando pelo que deveria ter feito de diferente não faz com que você se sinta melhor para fazer. Ao contrário, a autocompaixão, o amor a si mesmo acima de tudo, é que te dão forças para tentar algo novo.

amor5- Sabem que são dignos de amor

Alguns acontecimentos, iniciados principalmente na infância, podem ter levado alguns indivíduos a construírem crenças (das quais às vezes nem se dão conta) de que não são dignos de amor, ou de que não possuem valor como pessoa “a menos que…” (aqui entra diversas coisas que DEVERIAM fazer, por exemplo, ser perfeito, melhor do que os demais, ganhar sempre, se destacar academicamente, e tantas outras…). Aqueles com boa autoestima contestam essas crenças (quando as possuem), até acreditarem verdadeiramente de que, assim como TODAS as pessoas no mundo, eles também são dignos de amor, e que o seu valor como pessoa não depende de sucesso absoluto, de estarem acima de alguém, ou de qualquer outra coisa. Na realidade, eles sabem seu valor como pessoa depende apenas do fato deles existirem, e nada mais.

Anúncios

O que o filme Divertida Mente tem a nos dizer sobre nossas emoções??

Divertida Mente (Inside Out), é uma produção da Pixar junto com a Disney, que conta a história da pequena Riley, uma garotinha de 11 anos que se muda de cidade junto com sua família, devido ao novo emprego do pai. Nessa experiência, diversas emoções tomam conta de sua vida.

inside-out-unofficial-01_original

“INSIDE OUT” (Pictured) FEAR. ©2014 Disney•Pixar. All Rights Reserved.

Continuar lendo